sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Empresário Gustavo Henrique Carvalho não resiste aos ferimentos e morre em hospital de Coroatá




O momento é de dor e consternação em toda cidade em razão da perda prematura do empresário Gustavo Henrique de Sousa Carvalho que faleceu agora pela manhã na UTI de um hospital de Coroatá. Gustavo foi vítima brutal de quatro tiros de pistola na noite de quinta-feira (7) em frente a sua residência. Após o delito ele foi socorrido pelo SAMU e levado ao Socorrão de Presidente Dutra onde passou por algumas intervenções cirúrgicas.

                Desde o ocorrido seu  estado continuou crítico tendo que ser transferido urgentemente para Coroatá onde passou a fazer hemodiálise por causa do mau funcionamento dos rins. Durante esse período de  internação ele teve boa melhora chegando a abrir os olhos, mas surpreendentemente o seu quadro clínico se complicou vindo a falecer na manhã de hoje.

                É visível o choque que a população está passando depois da divulgação de sua morte. A Câmara de Vereadores, também consternada, suspendeu agora pouco sua sessão ordinária. O presidente Nélson do Nanxin falando em nome de todos disse que a suspensão da sessão é pelo sentimento da grande perda que a cidade teve. Gustavo Henrique era filho do ex-vereador Edivaldo Carvalho (falecido) e Cledite Carvalho (falecida). Atualmente ele administrava a danceteria Laguna, a única da cidade e frequentada comumente pela juventude tuntuense. A família está aguardando o translado do corpo que deverá chegar antes do período da tarde. Gustavo deixou esposa e  um casal de filhos.


O CRIME

                Na noite de quinta-feira (7) Gustavo Henrique de Sousa Carvalho retirava sua pick-up da garagem quando uma motocicleta pilotada por Haroldo, mais conhecido por Haroldinho, colidiu-se estranhamente com seu carro gerando uma rápida discussão, Haroldinho, segundo informações, sacou de uma pistola e atirou quatro vezes contra sua vitima, inclusive fazendo os últimos disparos dentro da casa dela, onde caiu.

                Após o crime Haroldinho evadiu-se em direção ao bairro Mil Réis tomando rumo ignorado. A Polícia, familiares e amigos ainda empreenderam buscas ao suspeito, mas não conseguiram localizá-lo.

                 

                   

3 comentários:

  1. Que quer dizer "tomando rumo ignorado."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iso que dise que niguen sabe pra ondi ele foi.poren algue deve saber mas nao que dize.

      Excluir