terça-feira, 17 de maio de 2011

Morre de câncer, em São Luís, o Capuchinho frei Chiquinho

A cidade amanheceu entristecida no dia de hoje, principalmente toda comunidade católica com a notícia do falecimento de Francisco de Jesus dos Santos (o Frei Chiquinho), 49 anos. O frei da ordem dos Capuchinhos estava hospitalizado em São Luís, capital, tratando de um câncer na região do pâncreas. O seu quadro clínico após a surpreendente descoberta da doença só piorou deixando-o em coma por vários dias.

De família humilde, filho do ex-ambulante conhecido por José de Doce, Frei Chiquinho entrou no seminário ainda muito jovem desejando se formar padre da ordem dos Capuchinhos, mas diante das dificuldades nos estudos decidiu pela formação de frei. Entre todo o corpo da ordem ele era tratado com carinho pelo seu jeito de ser ‘criança’. Nos conventos e casas religiosas por onde passou era muito conhecido por sua generosidade. Lembro-me de uma passagem minha e de um grupo de colegas pela igreja do bairro Cohab, em São Luís, lá perguntamos por Frei Chiquinho, a resposta foi que ele naquele momento havia ido deixar o café aos policiais de plantão em um box da PM. Frei Chiquinho todas as noites fazia uma garrafa de café e dava aos policiais plantonistas.  
Seu corpo já está sendo aguardado pela comunidade para ser velado no salão de reuniões da secretária da Paróquia. O sepultamento está marcado para amanhã.

3 comentários:

  1. saudades do grande amigo que se foi! QUE DEUS ESTEJA COM ELE E CONCEDA-O A VIDA ETERNA! obrigado, meu amigo, por tudo!
    Deus o abençoe hj e sempre!

    "amigo é coisa pra se guardar, do lado esquerdo do peito, dentro do coração."

    ResponderExcluir
  2. creio que o frei rodrigo poderá estar de remorso por ter tratado o frei chiquinho com ignorãncia até o ponto de humilhá-lo em frente de pessoas da comunidade em são luís!
    O FREI RODRIGO É DE TUNTUM, MAS NEM PARECE, POIS CHEGOU A SER DISTRATANTE COM O FREI CHIQUINHO - UMA PESSOA ESPECIAL! frei rodrigo, converta-se e creia no Evangelho!

    karina - são luís

    ResponderExcluir
  3. José Nilson de Souza Cordeiro1 de abril de 2013 12:59

    Fiquei triste pela morte do meu amiguinho Frei Chiquinho.
    Tive o privilégio de conviver com ele quando era postulante no Seminário do Anil. Realmente era uma pessoa muito humilde e de uma inocência invejável.
    O Chiquinho tinha muita vontade em desenvolver a leitura, mas era muito grande a dificuldade na aprendizagem.
    Eu fazia questão nas horas vagas em ajudá-lo na leitura.
    Frei Chiquinho, que sua passagem entre nós, nos tenha ensinado a fazer a leitura do amor nas pequenas coisas.
    Fiquei mais triste ainda, porque passei vários anos sem ter o contato com o Chiquinho. Somente agora tendo contato com a internet, pesquisando sobre os frades, me deparei com essa notícia.
    Meu abraço carinhoso ao povo hospitaleiro de Tuntum-MA.
    Meu abraço: Nilson Cordeiro (It Cordeiro)
    meu e-mail: ittenisdemesapirabas@hotmail.com

    ResponderExcluir