sábado, 4 de abril de 2020

Coronavírus: Governo do MA confirma segundo óbito e 96 casos


Covid-19: Governo Federal vai pagar R$ 667 para profissisonais da saúde

O presidente Jair Bolsonaro informou na manhã de ontem (3), pelo Twitter, que os profissionais de saúde residentes, como médicos enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos, terapeutas ocupacionais e psicólogos, que deixarem suas áreas para ajudar no combate ao coronavírus receberá um auxílio no valor de R$ 667. As informações são do G1.
Segundo Bolsonaro, o objetivo da convocação desses profissionais é ampliar a cobertura do SUS (Sistema Único de Saúde”.
“O Governo Federal pagará por seis meses uma bonificação de R$ 667 a profissionais de saúde residentes, como parte da ação O Brasil Conta Comigo – Residentes na Área de Saúde. O intuito é ampliar a cobertura do Sistema Único de Saúde e reduzir o tempo de espera por atendimento”, publicou o presidente em seu perfil na rede social.
De acordo com postagem do presidente, o valor será pago diretamente aos profissionais.
Convocação
Ontem (2), o Ministério da Saúde publicou uma portaria que determina o cadastro de profissionais de 14 categorias da área da saúde para realizar capacitação, em caráter emergencial, para trabalhar pelo SUS.
A lista de profissionais convocados inclui assistentes sociais, profissionais de educação física e até veterinários.
A possibilidade convocação desses trabalhadores estava prevista na lei 13.979/2020, que aborda as medidas a serem adotadas durante a emergência de saúde pública causada pelo novo coronavírus.
No texto, a lei prevê “pagamento posterior de indenização justa”.
Veja a lista dos profissionais que podem ser convocados a prestar seus serviços ao SUS
-serviço social
-biologia
-biomedicina
-educação física
-enfermagem
-farmácia
-fisioterapia e terapia ocupacional
-fonoaudiologia
-medicina
-medicina veterinária
-nutrição
-odontologia
-psicologia
-técnicos em radiologia

sexta-feira, 3 de abril de 2020

Datafolha: aprovação de Mandetta dispara e é mais que o dobro da de Bolsonaro


Levantamento ouviu 1.511 pessoas por telefone, para evitar contato pessoal, e tem margem de erro de três pontos percentuais para mais ou menos

A condução do ministro da Saúde, Henrique Mandetta, é aprovada pela ampla maioria dos brasileiros e antagoniza diretamente com as falas do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), segundo pesquisa divulgada hoje (3) pelo instituto Datafolha feita de quarta (1º) até esta sexta-feira. O levantamento ouviu 1.511 pessoas por telefone, para evitar contato pessoal, e tem margem de erro de três pontos percentuais para mais ou menos. 
Na pesquisa anterior, feita de 18 a 20 de março, a pasta conduzida por Luiz Henrique Mandetta tinha uma aprovação de 55%. Agora, o número saltou para 76%, enquanto a reprovação caiu de 12% para 5%. Foi de 31% para 18% o número daqueles que veem um trabalho regular da Saúde.
Já Bolsonaro teve reprovação na emergência sanitária e viu os índices subirem de 33% para 39%, crescimento no limite da margem de erro. A aprovação segue estável (33% ante 35%), assim como a avaliação regular (26% para 25%).
Nesta semana, Mandetta e Bolsonaro trocaram farpas públicas nesta semana. O presidente disse que responsável pela pasta que cuida do enfrentamento do coronavírus no país está faltando humildade para saber escutá-lo. Em resposta, o ministro declarou que"quem tem mandato popular fala, e quem não tem, como eu, trabalha".
DoMetro1

Ministros do TSE cogitam adiar as eleições municipais para dezembro


Ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cogitam adiar as eleições municipais de outubro para dezembro, devido à pandemia do coronavírus. A decisão sobre a data das votações deve ser tomada entre fim de maio e início de junho, a depender da situação sanitária do país.
Ainda que o quadro não esteja definido, os ministros descartam a possibilidade de prorrogação dos mandatos atuais. Isso aconteceria se as eleições fossem reagendadas para 2021. Ou, ainda, se houvesse unificação com as eleições gerais de 2022.
— A saúde pública, a saúde da população é o bem maior a ser preservado. Por isso, no momento certo será preciso fazer uma avaliação criteriosa acerca desse tema do adiamento das eleições. Mas nós estamos em abril. O debate ainda é precoce. Não há certeza de como a contaminação vai evoluir. Na hipótese de adiamento, ele deve ser pelo período mínimo necessário para que as eleições possam se realizar com segurança para a população. Estamos falando de semanas, talvez dezembro — disse o ministro Luís Roberto Barroso, que vai presidir o TSE a partir de maio.
Fonte: O Globo

CAPINZAL DO NORTE: Elemento furta moto do pai, ameaça a população armado e depois é preso; motocicleta furtada é recuperada e suspeito preso


A polícia de Capinzal do Norte teve ontem (02) um dia agitado para conter o avanço da criminalidade e manter a ordem no município. A primeira ação efetuada sob o comando do tenente Portela aconteceu no povoado Ingarana, após a guarnição receber uma denúncia de que um sujeito estaria armado causando desordens no povoado e ameaçando a população. No deslocamento até a comunidade, os policiais deram de encontro com o suspeito, que logo foi interceptado e preso. Ao ser revistado, foi encontrado consigo um revólver calibra 32 com seis munições intactas.

Sendo investigado no ato da prisão em flagrante delito sobre a propriedade do veículo que conduzia, uma moto Bros, cor vermelha, marca Honda, o suspeito confessou que havia furtado de seu próprio pai na cidade de Codó-Ma. Diante de todas as evidências de crimes praticados, ele foi encaminhado para a delegacia de Santo Antonio dos Lopes, onde foram tomadas todas as medidas concernentes a lavratura da prisão em flagrante.

MOTO FURTADA É RECUPERADA

Após a guarnição ser informada pela vítima B. S. Abreu de que sua motocicleta Honda Pop, cor preta, placa PTC-9725 havia sido furtada, os policiais plantonistas passaram a se empenhar para localizar o autor do furto e recuperar o veículo. Depois de várias diligências em locais incertos, os militares conseguiram localizar o suspeito, identificado por A. L. M. Oliveira, natural da cidade de Dom Pedro-Ma,  em posse da moto. Questionado sobre como havia adquirido a motocicleta, o suspeito afirmou que tinha comprado de um tal de Gustavo, pela quantia de R$ 300,00.

Enquanto os polícias se atentavam com a moto, o indivíduo tentou empreender fuga, mas foi contido e preso pelos policiais, deixando clara pela atitude tomada que estava envolvido realmente. Logo após, ele foi encaminhado para uma unidade médica para exame de corpo delito, sendo posteriormente dirigido à delegacia de Santo Antonio dos Lopes para as medidas de costume.
É importante salientar a nova postura de combate contra a violência e crimes diversos na cidade de Capinzal do Norte e povoados adjacentes depois da chegada do novo comandante, tenente Portela. Ele tem imprimido, juntamente com os demais policiais, ações que estão, pouco a pouco, neutralizando as diversas investidas  criminosas, dando a sociedade uma resposta à altura do esperado. Parabéns, Polícia de Capinzal do Norte!

Cantor Paulynho Paixão morre após sofrer dois acidentes em menos de três horas

O cantor piauiense Francisco de Paula Moura, o Paulynho Paixão, 43 anos, morreu em um grave acidente na madrugada desta sexta-feira (3). Ele sofreu um acidente de carro por volta das 22h de quinta-feira (2) e saiu ileso, mas resolveu retornar ao local, de moto, aproximadamente à 00h30, mas caiu na PI-225, altura da cidade de São Miguel da Baixa Grande, 159 km de Teresina, e morreu devido aos ferimentos.
De acordo com o irmão de Paulinho Paixão, Francisco da Cruz Moura, o cantor sofreu o acidente de carro por volta das 22h na BR-316, próximo à cidade de Passagem Franca do Piauí. Ele não teve ferimentos e foi para a casa da família, em São Miguel da Baixa Grande, de onde foi encaminhado ao hospital da cidade.
Horas depois, os irmãos de Paulynho Paixão foram ao local para tentar buscar o carro em que ele havia se acidentado. Contudo, retornando à cidade, encontraram o cantor caído no chão, próximo ao Riacho Dantas, na PI-225.
Ele foi encaminhado ao hospital de Valença, mas morreu por volta de 3h da manhã. O velório acontecerá em São Miguel da Baixa Grande, cidade natal do cantor.
Com informações do G1 Piauí

quinta-feira, 2 de abril de 2020

Presidente Bolsonaro diz que auxílio de R$ 600 deve começar na semana que vem

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (2) que vai enviar uma medida provisória para o Congresso antes de publicar a sanção do auxílio de R$ 600 mensais para trabalhadores informais. O auxílio é uma medida para amenizar os efeitos da pandemia de coronavírus na economia.
Bolsonaro disse que sancionou o projeto, aprovado pelo Congresso, nesta quarta (1º). Mas o texto ainda não foi publicado no “Diário Oficial da União“. Por isso, na prática, ainda não está valendo.
De acordo com o presidente, ele quer que a MP garanta a legalidade do gasto extra, já que o auxílio sairá dos cofres do governo. O presidente argumentou que o Congresso tem que avalizar a criação de novas despesas e apontar as fontes de onde sairá o dinheiro.
“Assinei ontem [quarta], estava aguardando outra medida provisória, porque não adianta dar um cheque sem fundo. Tem que ter o crédito também”, afirmou.
Segundo o presidente, a MP deve sair nesta quinta. “Uma canetada minha errada é crime de responsabilidade, dá para vocês entenderem isso? Vocês querem que eu cave minha própria sepultura? Vocês querem que eu cave minha própria sepultura? Não vou dar esse prazer para vocês”, completou o presidente, se dirigindo a jornalistas.
Com informações do G1

‘Enterrarei vocês’: presidente das Filipinas manda matar quem desrespeitar medidas contra o coronavírus

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, informou que deu ordens às autoridades de segurança para dispararem contra as pessoas que desrespeitarem as medidas impostas de combate à propagação do novo coronavírus. Nesta quinta-feira, em um discurso transmitido através da TV, o líder do país do sudeste asiático reforçou a “seriedade” da pandemia da Covid-19, que já deixou 2.311 casos confirmados de infeção e 96 mortes no país até o momento.
“Está piorando. Então, mais uma vez, estou falando a vocês sobre a seriedade do problema e que vocês precisam ouvir. Minhas ordens à polícia e aos militares… se houver tumultos e alguma ocasião em que houver reação e as vidas de vocês estiverem em perigo, atirem para matar. Está entendido? Para matar. Em vez de causarem tumultos, enterrarei vocês.”, afirmou o político.
O presidente resolveu intervir após iniciarem confrontos nas ruas da capital Manila, todos motivados pela falta de apoios governamentais ao nível da alimentação, que resultaram em várias detenções. Já na cidade de Quezon City,  cerca de 21 moradores foram presos por exigir ajuda e protestar sem permissão.
“Lembre-se, você é esquerdista: você não é o governo. Não saia causando problemas e tumultos, porque eu ordenarei que você seja detido até que este surto de Covid termine”, disse.
Ativistas repreenderam Duterte por causa de sua retórica dura e o acusam de incitar a violência e a justiça com as próprias mãos, como foi visto em sua guerra contra as drogas, durante a qual policiais e atiradores desconhecidos mataram milhares de pessoas acusadas de usar ou vender drogas.
A polícia diz que suas ações durante a campanha antidrogas foram legais. Nesta quinta-feira, o chefe da polícia nacional disse que a corporação entendeu que Duterte estava demonstrando sua seriedade a respeito da ordem pública e que ninguém será baleado.
“Médicos ‘têm sorte de morrerem pelo país'”
Duterte atraiu muitas críticas após um pronunciamento televisionado na segunda-feira, no qual abordou a pandemia do novo coronavírus. Nele, Duterte disse que profissionais da saúde “têm sorte de morrerem pelo país”.
“Há médicos, enfermeiros e assistentes que morreram. Eles foram os que morreram ajudando os outros. Eles têm tanta sorte. Eles morreram pelo país. Essa deve ser a razão pela qual morremos. Seria uma honra morrer pelo seu país, garanto isso a vocês”, disse.
No domingo, a Associação Médica das Filipinas havia informado que 12 médicos morreram de Covid-19 no país. A própria associação já alertou que os profissionais de saúde não estão recebendo proteção e apoio suficiente e que centenas de equipes estão de quarentena após a exposição aos vírus. O Globo

Apresentação do Plano Municipal de Saneamento Básico é suspenso devido a pandemia do Covid-19; consulta pode ser feita no site do município


“O município de Tuntum tem o compromisso com a universalização dos serviços de saneamento básico (abastecimento de água, esgotamento sanitário, resíduos sólidos e drenagem pluvial) com qualidade e igualdade. Através de cooperação técnica com a Fundação Nacional de Saúde do Maranhão e a Universidade Federal Fluminense, os Planos Municipais de Saneamento Básico (PMSB) e de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS) de Lago dos Rodrigues seriam apresentadas à população através de uma audiência pública. Devido a pandemia do Coronavírus (COVID-19) e o estado de calamidade pública, para se evitar a transmissão deste vírus através de aglomerações públicas, a audiência está suspensa. Porém, para conferir legitimidade e validação destes Planos Municipais, os mesmos serão sucedidos para consulta pública por 10 dias. Participe. Consulte o PMSB e PMGIRS nos links abaixo:

Sejam bem-vindos a uma nova realidade socioambiental, com qualidade de vida, inclusão social, promoção de saúde pública e proteção ao meio ambiente!”

Sobe para 71 o número de casos confirmados do novo coronavírus no Maranhão


Bolsonaro sugere que jovens sejam infectados e virem "barreira" contra Covid-19


O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (1º) que não mudou "nada" no pronunciamento da véspera em cadeia nacional de rádio e TV sobre o combate ao novo coronavírus (Sars-CoV-2), avaliado como mais moderado que o anterior. Ele também sugeriu que quem tiver menos de 40 anos poderia se infectar agora com a Covid-19 para, no futuro, não transmitirem o vírus aos mais idosos, voltando a criticar medidas de isolamento adotadas por governadores que afetaram a economia. As declarações foram dadas em entrevista por telefone, do Palácio do Planalto, ao jornalista José Luiz Datena, do Brasil Urgente , da Band.
No meio de sua fala, Bolsonaro comentou que, com a chegada do frio ao país, "vai morrer mais gente por haverá um pico de ida aos hospitais".
"A garotada abaixo de 40 anos, a princípio, contraindo o vírus, não vai ter problema. Agora essa garotada, vamos supor, se infectando agora, ela seria uma barreira no futuro para não transmitir o vírus aos mais idosos. É uma conta que você bota na mesa e você vê que as medidas por parte de alguns governadores e alguns prefeitos foram excessivas porque atingiram a roda da economia", propôs o presidente.
Citando "uma superexposição da mídia" que segundo ele deixou o pessoal "preocupado", Bolsonaro reiterou que "às vezes tem muita coisa no mundo que mata muito mais das consequências do pânico do que daquele mal em si".
"E a população não pode viver esse clima de pânico. Até porque o que a população tem que ser informada é que o vírus é igual a uma chuva, ele vem e você vai se molhar. Você não vai morrer afogado. Em alguns casos, lamentavelmente, haverá afogamento. Aquelas pessoas que, não é porque têm mais de 60 anos, é porque têm um problema a mais", disse.

Ele apontou ainda que pessoas que têm "uma imunidade pequena" são"mais fracas" e suscetíveis a sofrer mais com a doença. E citou quem vive na miséria ou pobreza extrema ao descrever a quem se referia.
"Quem são essas pessoas mais fracas? A pessoa às vezes vive na miséria, pobre ao extremo, então é fraca por natureza, vamos assim dizer, né?, dada a falta de uma alimentação mais adequada. Então essas pessoas é que sofrem mais com esse vírus que chegou, mas eu tenho certeza que vai embora um dia", comentou.

Pronunciamento da véspera

Questionado sobre o que provocou a mudança no tom de seu discurso e se mudou alguma coisa com relação ao que pensava sobre a doença, Bolsonaro disse que seu pronunciamento foi "totalmente" suas palavras, mas contou que colocou no papel o que queria transmitir e teve ajuda de pessoas do Planalto "que ajudaram a amenizar nas palavras".
"O objetivo é o mesmo. Se eu não me engano, eu falo nesse meu pronunciamento de ontem três vezes a palavra 'emprego'. Alguns falam 'ah, o cara tá preocupado com o emprego e não com a vida'. Agora um país de desempregados, de pobres, a quantidade de pessoas que vêm a morrer por falta de renda, de alimentação, entre outras coisas, é enorme. É muito maior do que a própria doença em si. Então, com outras palavras ontem, eu basicamente dei esse recado."

Ele voltou a citar declarações, de segunda-feira, do diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, e disse que o etíope falou tudo aquilo que ele disse.
"Alguns setores da imprensa falaram que eu omiti uma passagem dele. Não, não omiti nada. Ele mesmo disse que é da África, país pobre, e que cada país tem a sua realidade. O país que pode, por exemplo, pagar 2.500 libras para o teu desempregado, tudo bem. O Brasil nós fomos no limite aqui de R$ 600 por cada um dos aproximadamente 54 milhões que podem se beneficiar desse projeto nosso aqui, desse nosso abono, vamos assim dizer. E podemos resistir por três meses. Se passar disso, a nossa dívida vai ser enorme, e a gente começa a ficar preocupado como é que a economia pode se recuperar lá na frente. É essa a grande preocupação, esse foi o recado", afirmou.
Na sua explicação, no entanto, Bolsonaro repetiu que o diretor da OMS "falou que esse pessoal tem que trabalhar". Mas o que o dirigente da entidade manifestou foi a preocupação com pessoas isoladas em lugares mais pobres do mundo que têm que trabalhar diariamente para ganhar o "pão de cada dia". Ele cobrou ainda dos governos que adotem medidas para garantir a renda da população mais pobre com a crise do coronavírus.
"Como é que nós podemos proibir que essas pessoas se locomovam? Como é que você pode proibir que uma pessoa pegue e vá numa praça vender teu churrasquinho de gato? Ou vender o teu biscoito na praia? É isso que ele se referiu", argumentou.

Sobre sua posição no pronunciamento da terça-feira, Bolsonaro foi enfático, e citou repercussões econômicas do isolamento adotado por governadores, como o do Rio Grande do Sul.
"Eu não mudei nada. Ele mudou. Agora eu, sim, reconheço a você que suavizei nas palavras. Mas quem pegar e prestar atenção em cada frase nossa continuamos dando o recado: se o Brasil continuar dessa forma, desse isolamento horizontal, como se eu não me engano o Rio Grande do Sul anunciou mais 30 dias. Eu não vou criticar o governador, agora será que a população aguenta mais 30 dias sem trabalhar? Porque o elemento, o empresário, o comerciante, vai ter que demitir, porque não está vendendo, vai ter que demitir", afirmou. Do Ig

quarta-feira, 1 de abril de 2020

Deputados manifestam solidariedade a Daniella Tema que testou positivo para Covid-19


Agência Assembleia

Durante a terceira Sessão Extraordinária com Votação Remota por Videoconferência da Assembleia Legislativa do Maranhão, nesta quarta-feira (1º), as votações foram intercaladas por manifestações de solidariedade à deputada Daniella Tema (Republicanos), que informou, na terça-feira (31), ter testado positivo para o coronavírus. A parlamentar permance de quarentena em sua residência, embora sem sintomas.
“A deputada tornou pública a sua situação. É um posicionamento de coragem, o que mostra a sua responsabilidade. Esperamos que ela se recupere rapidamente e que logo retorne ao convívio de sua família, de seus amigos e, também, ao nosso convívio. Sua decisão é um exemplo de que devemos ter cuidado redobrado com essa situação”, disse Othelino Neto.
As deputadas Helena Duailibe (Solidariedade) e Detinha (PR) afirmaram estar felizes em ver que Daniella Tema estava participando dos trabalhos legislativos, embora de forma virtual, e destacaram que estão desejosas de vê-la retornar, o mais breve possível, às suas atividades normais, após a recuperação.
Para a deputada Cleide Coutinho (PDT), Daniella Tema continuará recebendo as bênçãos de Deus, para que possa dar continuidade à sua jornada. “Ela mostrou muita bravura, coragem e espírito guerreiro ao encarar de frente esse problema”.
Fernando Pessoa (Solidariedade) destacou que a parlamentar teve uma atitude louvável e corajosa, ao anunciar para todos que testou positivo para a Covid-19.
Roberto Costa (MDB) enfatizou que Daniella Tema é uma mulher de luta e de muita fibra. “Fico feliz em vê-la atuando, mesmo diante desse problema. Quero que tenha uma recuperação plena e rápida”, acentuou.
Outros parlamentares também se solidarizaram com Daniella Tema, desejando o rápido restabelecimento da colega, entre eles os deputados Neto Evangelista (DEM); Pará Figueiredo (PSL); Professor Marco Aurélio (PC do B); Rigo Teles (PV); César Pires (PV); Rildo Amaral (Solidariedade); Fábio Macedo (Republicanos); Glaubert Cutrim (PDT); Mical Damasceo ( PR  ); Leonardo Sá (PR) e Vinícius ouro ( PR  ).

Ex-jogador morre na UPA do Itaqui-Bacanga em São Luís com suspeita de coronavírus


O ex-jogador de futebol Severo, de 69 anos, proprietário do Bar Stresse Zero, localizado na Avenida Sol Nascente, no Bonfim, no bairro Anjo da Guarda,  morreu na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Iatqui-Bancanga, na madrugada desta terça-feira (31), com suspeita de Covid-19.
Pelas informações, compartilhadas em grupos de whatsapp por amigos, Severo estava gripado e com febre deste a sexta-feira (27). “Mesmo gripado, ele continuavas atendo as pessoas no bar. Na segunda-feira (30), ele foi levado à UPA porque estava sentindo falta de ar. Ele morreu por volta das 3h da madrugada. O pulmão estava todo comprometido. Morreu com falta de ar”, diz um amigo em áudio.
O corpo de Severo foi sepultado na manhã desta terça-feira, sem a realização de velório, e com a presença apenas de dois filhos uma cunhada. Ainda não se tem a confirmação se Severo foi mais uma vítima do Covid-19. O resultado do teste deverá ficar pronto em seis dias.
Os familiares e quem teve contato nos últimos dias com Severo devem passar a cumprir determinações de isolamento e monitoradas por equipes da SES Severo era ex-jogador com por vários  clubes  profissionais, como Tupan,
Vitória  do Mar e MAC . Teve seu auge nos anos de 1977 quando ganhou o troféu  Bola de Prata do campeonato  brasileiro, como um dos melhores  volantes da época atuando pelo MAC. Severo atuava no meio de campo, jogador clássico  diferenciado dos outros com uma qualidade técnica como poucos, como falam na giria  do futebol  sabia o que fazer com a bola.
Com informações do Gilberto Lima

terça-feira, 31 de março de 2020

COVID-19: Mais 21 casos são confirmados no Maranhão; ao todo já são 52



A Secretaria de Estado da Saúde (SES) do Maranhão, nesta terça-feira (31), registrou mais 21 casos confirmados de COVID-19 em São Luís. Com isso sobe para 52 o número de casos confirmados por laboratório. A SES registrou mais 456 casos descartados. Dos novos casos, um paciente encontra-se em estado grave em unidade hospitalar na rede privada. Os demais com recomendação de isolamento domiciliar. Entre os 31 casos já divulgados, três estão assistidos por hospital da rede privada e dois na rede pública, 19 permanecem em isolamento domiciliar monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS) e um caso foi a óbito. Atualmente, seis casos confirmados receberam alta da quarentena. Segundo orienta o Ministério da Saúde, os pacientes atendem ao critério por terem passado 14 dias em isolamento domiciliar, a contar da data de início dos sintomas, e seguem assintomáticos.

*Casos confirmados abrangem resultados de exames realizados em laboratórios públicos e particulares (informados à Secretaria de Saúde) **Seguindo a metodologia do Ministério da Saúde, o óbito está contabilizado entre os casos confirmados

Coronavírus: Ajuda dada por Bolsonaro à 152 cidades do Maranhão não é suficiente para comprar sequer um ventilador mecânico


Os R$ 20 milhões enviados pelo Ministério da Saúde para ajudar o Maranhão no combate ao Covid-19 e distribuídos conforme critérios populacionais aprovados em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), são insuficientes para pelo menos 152 cidades do Estado.
Segundo relato do prefeito de Trizidela do Vale, Fred Maia, que recebeu o repasse de R$ 50 mil, o valor não dá para comprar sequer um ventilador mecânico, que de acordo com o gestor, custa R$ 60 mil reais.
Assim como Trizidela do Vale, outros 151 municípios receberam valores inferiores ao custo do respirador mecânico, instrumento indispensável para salvar vidas de pacientes em estado crítico.
Para se ter uma ideia, São Pedro dos Crentes, que ficou conhecida por ter dado a maior votação do Estado à Bolsonaro em 2018, 57,49% dos votos validos, recebeu míseros R$ 10 mil reais. DoMaramais

Dr. Tema, prefeito de Tuntum e marido da deputada Daniella Tema, testa negativo para o novo coronavírus


O prefeito de Tuntum, Dr. Tema, ao contrário de sua esposa Daniella Tema testou negativo para o novo coronavírus. A informação foi confirmada agora pouco por ele ao blog do Lobão. Segundo ele, o teste foi feito na última quinta-feira (26) em um laboratório particular juntamente com a deputada.
A Daniella Tema havia apresentado sintomas de gripe no meio da semana passada, em decorrência das suspeitas os dois passaram a dormir separados, se comunicando só por meio de telefone. A filha do casal Júlia Seabra também ficou separada. 
A comunicação da contaminação de Daniella foi feita de forma pessoal pela Secretaria de Estado da Saúde. É que todos os testes positivos sobre o Codiv-19, por mais que seja feito em laboratório particular, são encaminhados primeiramente à Secretaria de Saúde.
O prefeito informou que sua esposa está bem, já está sendo medicada contra o novo coronavírus e que a incidência de sua contaminação só reforça a recomendação de que todos fiquem em casa em regime de quarentena, pois só assim se evita a proliferação do vírus e o surgimento de novos casos.

Deputada Daniella Tema testa positivo para o Covid-19





A deputada estadual Daniella Tema (DEM) comunicou por meios das suas redes sociais que testou positivo para o novo coronavírus.
Hoje (31) pela manhã sua assessoria distribuiu uma nota reafirmando o que a própria deputada havia informado. A nota informa que ela não sente sintomas da doença, mas que teria decidido fazer o teste após contato com pessoas suspeitas.
Daniella Tema é aliada do deputado federal Aluisio Mendes (PSC), que esta semana testou positivo. 

segunda-feira, 30 de março de 2020

Governador Flávio Dino atualiza situação sobre o coronavírus e medidas executadas no Maranhão


Em coletiva à imprensa, na manhã desta segunda-feira (30), no Palácio dos Leões, o governador Flávio Dino informou as atualizações sobre a situação sanitária e econômica no Maranhão em razão do novo coronavírus (Covid-19). Na ocasião, Flávio Dino pontuou os casos confirmados e informou sobre o primeiro óbito por conta da doença no estado. Citou ainda medidas da gestão para conter o avanço do Covid-19 e o apoio aos maranhenses neste momento. “As medidas restritivas estão mantidas e serão reavaliadas conforme o cenário. Não seremos irresponsáveis de por em risco a saúde dos maranhenses”, frisou.
O governador iniciou a coletiva destacando o trabalho de ampliação da rede hospitalar e pontuando que “o Maranhão conta com oferta de leitos, em vários pontos do território maranhense, suficientes para enfrentar esse primeiro ciclo do coronavírus”. O Governo do Estado aguarda ainda entrega de material para 20 leitos, que virá do Ministério da Saúde e com estes, somarão mais 40 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender os casos no Maranhão.
Sobre as estratégias para atendimento dos casos, Flávio Dino ressaltou a ação parceira do Governo do Estado, Prefeitura de São Luís e Universidade Federal do Maranhão (UFMA) na promoção de rotina única de atendimento nas unidades de saúde, UTIs e leitos de retaguarda.
Quanto aos impactos econômicos, o governador citou a lei sobre renda básica, que deve ser aprovada pelo Senado e, se assim for, ser aplicada já na próxima semana. “Sabemos da importância dessa renda para as famílias do Maranhão e do Brasil e, assim, esperamos que essa lei seja aprovada o quanto antes. Reiteramos que toda a estrutura do Governo do Maranhão está à disposição do Governo Federal para colaborar na implementação da renda básica de cidadania”, reforçou Flávio Dino.
Em resposta aos jornalistas, Flávio Dino informou que houve mudança de fases na transmissão do coronavírus no Maranhão, e que a estimativa das autoridades de saúde, com base nos 23 casos confirmados até agora, é que pode haver mais de 200 pessoas, de todas as faixas etárias, portando o vírus sem saber. O perfil é de transmissão comunitária, quando já não é possível identificar a origem do vírus.
“Temos pessoas de um ano a 80 anos com a doença confirmada no Maranhão. Estamos caminhando no terreno da prevenção e com responsabilidade”, disse o governador.
Flávio Dino reforçou a importância da colaboração de todos para o isolamento social e havendo agravamento do problema, medidas serão tomadas para reforçar esse isolamento. “O que vale no território maranhense é o decreto do Governo do Estado, em proteção à saúde pública de todos os maranhenses, cujos decretos estaduais são reconhecidos pelo Supremo Tribunal Federal”, enfatizou. É avaliada ainda a flexibilização da reabertura parcial do comércio, caso haja estabilidade do cenário atual.
O governador informou da transmissão de aulas da rede pública em canais na internet, para que estudantes não tenham prejuízo neste período. Sobre medidas para que seja seguido o isolamento social, informou que são feitas “revisões diárias e avaliamos que, neste momento, estamos no ponto adequado, com o controle de casos e bem abaixo da média brasileira”. Havendo mudança desse perfil, o Governo do Estado irá rever as medidas, acrescentou o governador. Do total de 23 casos, três estão hospitalizados e os demais, em isolamento domiciliar, sendo monitorados com seus familiares.
Outras medidas como a conquista na justiça para zerar o imposto sobre a produção do álcool em gel e máscaras, novo calendário do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), redução da tarifa de água a 850 mil famílias de baixa renda e a distribuição de mais de cinco mil cestas básicas de alimentos foram citadas na coletiva.
Estiveram presentes durante a coletiva, os secretários estaduais Carlos Lula (Saúde) e Marcos Pacheco (Articulação das Políticas Públicas).

Presidente Dutra: Defensoria recomenda a lotéricas a adoção de medidas para evitar a aglomeração de clientes e conter a disseminação da Covid -19


Na luta pela prevenção ao contágio do novo coronavírus, em Presidente Dutra, o núcleo regional da Defensoria Pública daquele município expediu, nesta segunda-feira (30), recomendação às lotéricas da cidade, para que adotem medidas de contenção da doença, baseadas em orientações disseminadas pelas autoridades de saúde no Brasil e no mundo. Uma dessas medidas é afixar aviso em local visível ao consumidor, de forma ostensiva, informando sobre a limitação da quantidade de clientes e usuários no interior da agência, bem como da necessidade de ser mantida a distância mínima entre os usuários do serviço em dois metros, evitando sempre aglomeração de pessoas.
As agências lotéricas não suspenderam o funcionamento. Estes estabelecimentos foram classificados como essencial e estão sendo mantidos mesmo no atual cenário de pandemia, nos termos da Lei 13.979/20 (regulamentada pelo Decreto nº 10.282, de 20 de março de 2020) No documento, assinado pelos defensores públicos Ana Júlia da Silva de Sousa e Ian Barbosa Nascimento, os donos de lotéricas são alertados para a necessidade de manter um colaborador ou outra forma de controle eficaz para ordenar a fila de acesso às agências, não permitindo aglomerações, de modo que seja respeitado o limite de dois metros de distância entre os clientes ou usuários em fila, utilizando, inclusive, se necessário, sinalização vertical e/ou horizontal para o distanciamento.
Outra medida recomendada é que, havendo possibilidade, os estabelecimentos adotem horários específicos para o atendimento da população idosa e outros que comprovadamente integrem o grupo de risco para a Covid-19, com a devida divulgação e atenção às medidas de prevenção ao contágio. Também solicitam que sejam tomadas todas as medidas de controle sanitário recomendadas pelas autoridades de saúde e sanitárias, especialmente quanto à higienização constante do ambiente interno e dos pontos de atendimento direto ao consumidor, inclusive disponibilizando álcool em concentração recomendada.

Exame de Aluisio Mendes testa positivo para coronavírus


O deputado federal Aluísio Mendes (Podemos) confirmou, nesta segunda-feira (30), através de sua assessoria, que seu exame testou positivo para o coronavírus.
A Nota da assessoria do parlamentar confirma ainda que o deputado maranhense está em observação médica e seu estado de saúde é “fora de risco”. Aluisio Mendes está aguardando a contraprova.
Vale lembrar que Aluisio Mendes já havia feito anteriormente um outro exame, que deu negativo. O parlamentar fez o primeiro exame por ter tido contato com o também deputado federal Eduardo Bolsonaro, que integrou a comitiva brasileira que foi aos Estados Unidos. JorgeAragão

domingo, 29 de março de 2020

Prefeito Idan Torres inaugura Restaurante Popular nessa segunda-feira (30)


O prefeito Idan Torres convida a população de Santa Filomena do Maranhão para a inauguração, nesta segunda-feira (30), do Restaurante Popular, projeto de sua requisição junto ao Governador Flávio Dino para beneficiar todo povo filomenense, principalmente ás familias de baixa renda e trabalhadores com pouco poder aquisitivo.

O prefeito analisa o momento como muito oportuno para beneficiar a população  a custo muito baixo. "Imagina você receber uma alimentação diária por um preço simbólico de R$ 2.00, isso é muito gratificante, principalmente áqueles que têm poucas condições", afirmou.
O  prefeito ainda disse que as adversidades são muitas, mas que os problemas administrativos estão praticamente generalizandos em todas as gestões, porém nada tira seu estímulo de continuar lutando pelo povo que lhe reservou toda confiança. "Se você observar os problemas estão em todas as administrações, mas nada disso pode tirar nosso estímulo e coragem de lutar por quem reservou toda confiança  em nós", disse.
Santa Filomena assiste hoje de cadeira cativa aquilo que parecia ser impossível outrora, a população sendo beneficiada com um pool  de obras e benefícios, tendo ainda suas reais garantias sociais respeitadas. Parabéns, prefeito, é assim que se faz!

Governador Flávio Dino confirma vinte e dois casos de Coronavírus no Maranhão


sábado, 28 de março de 2020

Daniela Tema e mais quatro deputados disponibilizam 50% de seus salários para ajudar no combate do coronavírus


Um grupo de cinco deputados estaduais do Maranhão anunciou, neste sábado (28), que estão abrindo mão de 50% dos próprios salários para ajudar no combate a pandemia do novo coronavírus.
Os deputados estaduais Fábio Macedo, Felipe dos Pneus, Daniella Tema, Duarte Júnior e Mical Damasceno, utilizaram as redes sociais para fazer o anúncio da decisão que tomaram.
“Nesse momento precisamos unir forças e tentar fazer a nossa parte para salvar o máximo de vidas em nosso país e estado. Para garantir segurança, serviços de saúde e a dignidade do nosso povo é necessário ter o aporte de recursos financeiros. Por isso eu e alguns deputados estaduais decidimos disponibilizar 50% dos nossos salários para somar as ações de combate ao Coronavírus”, afirmou Fábio Macedo.
Os deputados deixaram claro ainda que o dinheiro será utilizado para ações no combate ao novo coronavírus e ajudar as pessoas que perderam empregou ou renda devido a pandemia.
DoJorgeAragão

Folha de SP: Na crise do coronavírus, Flávio Dino lidera Índice de Popularidade Digital entre os governadores


A crise provocada pela pandemia de coronavírus alavancou a popularidade virtual dos governadores João Doria (PSDB-SP), Wilzon Witzel (PSC-RJ) e Flávio Dino (PC do B-MA), enquanto fez cair o índice em relação ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).
Ainda assim, Bolsonaro segue disparado no chamado IPD (Índice de Popularidade Digital), medido pela consultoria de dados Quaest. O IPD compila informações do Twitter, Facebook, Instagram e, agora, em sua versão 2.0, também analisa Youtube, Google Trends e acessos a Wikipedia.
O IPD, que varia de 0 a 100, também passou a ser medido diariamente, possibilitando a comparação dos políticos entre os dias 25 de fevereiro e 25 de março, quando o país começou a sentir os efeitos da pandemia.
No período, Bolsonaro caiu de 83,1 para 69,1 —queda de 16,8%. Em patamar bastante abaixo do presidente, os governadores, porém, experimentaram altas proporcionais significativas. Doria cresceu 66,1%, Dino subiu 54,9% e Witzel, 39,6%.
O tucano foi de 10,55 a 17,52. Dino aparecia com 12,74 e alcançou 19,73. Já Witzel variou entre 9,76 e 13,62. Isso significa que os governadores despertaram mais interesse dos internautas e tiveram mais engajamento e alcance nas suas redes sociais.
Flávio Dino tem a mobilização como ponto forte, ou seja, se sobressai no total de compartilhamentos de conteúdos em redes sociais. O governador do Maranhão se destaca como representante da esquerda.
Além de mobilização e interesse, as demais dimensões do IPD são presença digital (número de redes sociais ativas), fama (público total nas redes), engajamento (volume de reações e comentários ponderado pelo número de postagens nas redes) e valência (proporção de reações positivas e negativas). Com informações da Folha de São Paulo