quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Prefeitura de Tuntum desmente notícia do blog de Gilberto Léda


Dr. Tema desmentindo o Blog de Gilberto Léda

A Prefeitura Municipal de Tuntum, através do seu titular, o Prefeito Cleomar Tema (PSB),  rebateu com veemência a matéria veiculada pelo blog de Gilberto Léda, nesta quarta-feira(26), sobre contrato de passagens áreas que o blogueiro insinua como motivo de atrasos de salários de funcionários públicos municipais.

Sem conhecer o teor do contrato apresentado na matéria  e desconhecer profundamente a realidade administrativa do município, o blogueiro Gilberto Léda mente ao afirmar que a Prefeitura de Tuntum vai gastar R$ 160.000,00 (cento e sessenta mil reais) com passagens aéreas para o prefeito e os seus auxiliares diretos em 2015. Segundo Dr. Tema "não existe isso, pois a publicação do contrato apresentado na matéria é apenas uma previsão de despesas orçamentárias para esta área e que até o mês de agosto de 2015 não gastou 10%  do valor veiculado no blog de São Luís". 

"O blogueiro de São Luís deve saber que os municípios brasileiros não podem comprar passagens aéreas sem contrato de licitação com empresas que atuam nesta área e que previsões de despesas podem ser gastas na totalidade, ou não", disse Tema. O prefeito de Tuntum foi mais além e reafirmou "até o mês de agosto a Prefeitura de Tuntum não gastou 10% do valor do contrato e que a maioria das viagens foram feitas por mim a Brasília em caráter de urgência para atender ao chamamento de deputados sobre os interesses administrativos  de Tuntum".

Dr. Tema foi além ao dizer, ainda,  "que os atrasos de salários de algumas secretarias da administração municipal  advém da diminuição constante dos repasses do FPM e da crise financeira do país que se abateu, também, sobre todos os municípios brasileiros, inclusive Tuntum", mas que está procurando resolver nos próximos dias esta pendência.

Ainda sobre a matéria mentirosa do Blog de Gilberto Léda, Cleomar Tema autorizou a CPL de Tuntum a fazer o levantamento das despesas reais que o município fez de janeiro a agosto de 2015 com o pagamento de passagens aéreas para ser divulgado pela imprensa e para o povo do Tuntum nas próximas horas.
Batetuntum

Projeto de Lei que autoriza concurso publico em Tuntum é encaminhado a Câmara




Quem esperava pelo concurso público municipal já pode se dedicar aos estudos e sonhar com a aprovação, o secretario de Educação, Antonio dos Reis Barros Teixeira e o secretario de Articulação Política e Governo, Josinaldo Carvalho Bílio entregaram hoje (27) à tarde ao presidente da Câmara de Vereadores, Nélson Almeida, o Projeto de Lei nº 922/2015 que cria e autoriza o município realizar o concurso público.

Segundo o secretário de Educação, o concurso está distribuído entre 195 vagas na área de educação e 97 na área de saúde. Ainda segundo ele, a maioria das vagas estão distribuídas para a zona rural. O projeto será agora apreciado e debatido pelos vereadores, para depois ser votado e possivelmente aprovado.    

Polícia indicia por corrupção ex-Casa Civil de Roseana Sarney


João Abreu teria recebido R$ 3 milhões em propinas do esquema Lava Jato para distribuir a integrantes do governo do Maranhão em troca de precatório milionário
João Abre está indiciado por corrupção
João Abreu era chefe da Casa Civil no Governo e homem de confiança de Roseana Sarney
Por Ricardo Galhardo
Estadão – A Polícia Civil do Maranhão indiciou o ex-secretário da Casa Civil do governo Roseana Sarney (PMDB), João Abreu, por corrupção. Ele é suspeito de ter recebido R$ 3 milhões em propinas para garantir que o governo maranhense, na gestão Roseana, pagaria um precatório de R$ 134 milhões à empresa Constran-UTC.
O milionário precatório do Maranhão é um emblemático capítulo da Operação Lava Jato que escancarou o elo do doleiro Alberto Youssef, pivô da investigação sobre esquema de propinas na Petrobrás, com o empreiteiro Ricardo Pessoa, dono da UTC Engenharia que virou delator e confessou cartel na estatal petrolífera entre 2004 e 2014.
Além do ex-secretário da Casa Civil de Roseana foram indiciados outros personagens importantes da Lava Jato – o próprio doleiro, o carregador de malas de dinheiro de Youssef, Rafael Ângulo Lopes, e Adarico Negromonte, irmão do ex-ministro do governo Dilma Rousseff Mário Negromonte, todos sob suspeita de terem operado os pagamentos.
A Polícia enquadrou, ainda, o corretor Marco Antonio Ziegert, o Marcão, suposto elo entre Youssef e o governo do Maranhão. O indiciamento se baseia em depoimentos e delações premiadas colhidas pela Lava Jato e testemunhos da contadora de Youssef, Meire Poza, e do sócio do doleiro no laboratório Labogen, Leonardo Meirelles, feitas pela própria Polícia Civil do Maranhão.
Segundo os depoimentos, Negromonte e Ângulo fizeram ao menos três viagens a São Luís a mando de Youssef nas quais levaram a propina em dinheiro vivo escondido no próprio corpo. De acordo com a Polícia Civil maranhense, o secretário reclamou da falta de R$ 1 milhão no montante da propina. Isso teria levado o próprio Youssef a ir até São Luís para resolver pessoalmente o problema.
Youssef foi preso em um hotel de luxo na capital maranhense no dia 17 de março de 2014. A prisão desencadeou a Lava Jato. De acordo com a Polícia Civil, enquanto Youssef era preso Marcão saiu do hotel com a propina que seria entregue a integrantes do governo Roseana.
“Na oportunidade da prísão de Youssef, Marcão não teria sido abordado pela Polícia Federal, embora estivesse no mesmo hotel, e conseguiu efetivamente levar o dinheiro da propina para membros do governo”, diz o relatório.
Em março deste ano, diante das revelações feitas pela Lava Jato, a juíza da 1.ª Vara da Fazenda Pública do Maranhão, Luiza Nepomucena, desobrigou o governo a pagar as parcelas restantes do precatório. Na mesma época a Constran rescindiu o acordo feito com a administração Roseana para quitação da dívida.
O governador do Maranhão, Flavio Dino (PC do B), que sucedeu Roseana no Palácio dos Leões, determinou a criação de uma comissão para apurar o caso. O advogado de João Abreu, Carlos Seabra, disse que ainda não teve acesso ao teor do indiciamento e pediu que as perguntas fossem enviadas por e-mail, mas não respondeu aos questionamentos

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Prefeito Dr. Tema entrega projeto de reforma do ginásio Poliesportivo ao secretario de Esportes Márcio Jardim.


Dr. Tema entregando o projeto ao secretário Márcio Jardim
Já está nas mãos do secretario de Esportes, Márcio Jardim, o projeto de reforma do Ginásio Poliesportivo Orfileno Arruda Léda. O ato de entrega aconteceu hoje pela manhã na sede da Secretaria de Esportes, onde o prefeito Dr.Tema foi bem recebido pelo secretário, o mais novo entusiasta do esporte maranhense. Na oportunidade o prefeito falou a respeito do projeto como de grande valia para fortalecer e qualificar a prática esportiva de jovens e adolescentes.

O projeto agora será encaminhado a uma comissão de licitação do Governo do Estado para ser licitado e posteriormente definida a empresa responsável pela execução da reforma. A reforma da maior praça poliesportiva de esportes de Tuntum passou a ser planejada com a visita in loco de Márcio Jardim, que comprovou a sua urgente necessidade mediante ao precário estado em que se encontra. Mas a confirmação veio na visita do governador Flávio Dino a cidade, que entre outras obras relacionadas definiu a reforma como prioritária por ter um grande valor social. 
Não existe ainda uma previsão do início das obras, mas o prefeito acredita que ela se dará, no máximo, até o final do ano. O prefeito disse ao blog que a reforma do ginásio passou a ser uma prioridade por ele ser um objeto de fundamental importância para a congregação esportiva da Juventude, tirando muitos do caminho das drogas "A nossa gestão tem essa reforma como prioridade e de fundamental importância em razão da congregação esportiva que o ginásio oferece a toda juventude, inclusive tirando muitos do caminho pernicioso das drogas", disse.
    

Incra e Secretaria de Agricultura assinam compromisso de desapropriação de terras e Sala da Cidadania será instalada em Tuntum



Uma caravana de pequenos produtores rurais de Tuntum representando os povoados Paca, Tamaquinho, Fortaleza de Cima e Fortaleza de Baixo, liderados pelo secretário adjunto de Agricultura, Paulo Duarte, o Paulão, o Assessor Especial da Prefeitura, Cícero Cunha e o vereador Joaceles Araújo, o Jota, por determinação do prefeito Dr. Tema reuniram-se no dia de ontem (25) com o novo superintendente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra),  Dayvson Franklin de Souza.

Na pauta do encontro estava a assinatura do compromisso  de desapropriação de  quatro áreas onde já estão residindo 180 famílias formadas por pequenos produtores, que há anos esperam e pleiteiam o processo de desapropriação. Confiantes, os produtores ouviram do superintendente a sua palavra de empenho e compromisso em desapropriar a área o mais rápido possível, o que provocou alegria e entusiasmo nos produtores.

Na oportunidade o superintendente confirmou aos representantes do governo tuntuense que com brevidade o Incra irá deslocar uma equipe de funcionários para vistoriar as áreas dos povoados Tabocal e Jenipapo, também visando a desapropriação. 
No encontro ainda   foi assinado o convênio de instalação da Sala da Cidadania no município, instrumento que dará autonomia a Secretaria de Agricultura em expedir em tempo hábil o Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR), ainda emitido na sede do Incra em São Luís e em poucos municípios do estado. Com a implantação da Sala, a Secretaria de Agricultura terá autorização para facilitar a transferência de Imóveis, emissão de certidão para aposentados, empréstimos na linha rural e desmembramento de propriedades. "A implantação da Sala da Cidadania é um dos objetivos do prefeito Dr. Tema para facilitar a vida dos nossos trabalhadores rurais", afirmou Cícero Cunha. 
A audiência serviu também como termômetro para medir as qualidades do novo superintendente     
Dayvson Franklin, que segundo os visitantes mostrou-se prestativo, demonstrando vontade de trabalhar e resolver os problemas. Para o vereador Jota e Paulo Duarte, Dayvson Franklin tem todas as características de um superintendente afinado com os pequenos e grandes problemas do homem do campo, demonstrando segurança e confiança naquilo que diz.  


terça-feira, 25 de agosto de 2015

Paulo Roberto Costa confirma pagamento de propina a Roseana Sarney

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, confirmou  a participação da ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, em recebimento de propinas.A declaração foi feita na tarde desta terça-feira (25). Costa ainda afirmou que foi apresentado ao lobista Fernando Soares por Nestor Cerveró.
Confira no vídeo abaixo as declarações envolvendo Roseana Sarney no recebimento de propina.

Gilbertolima

Ex-prefeita de Presidente Dutra tem direitos políticos suspensos por três anos

Em Ação Civil Pública do Ministério Público do Maranhão, a Justiça decidiu suspender os direitos políticos da ex-prefeita de Presidente Dutra, Irene Oliveira Soares, durante três anos, por ato de improbidade administrativa. A sentença foi proferida no dia 12 de agosto.

De acordo com o MP, a gestora deixou de apresentar a prestação de contas da Prefeitura à Câmara de Vereadores referente ao exercício financeiro de 2009, quando estava à frente do executivo municipal.
Na decisão, a juíza Gláucia Helen Maia de Almeida condenou, ainda, a ex-prefeita ao pagamento de multa civil no valor de 20 vezes o valor de sua remuneração à época em que exercia o cargo, além de proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, também pelo prazo de três anos.
As penalidades estão previstas no artigo 12 da Lei n° 8.429/92, a chamada Lei de Improbidade Administrativa.
Em sua defesa, Irene Soares admitiu que não fez a prestação de contas diretamente à Câmara de Vereadores e somente ao Tribunal de Contas do Estado, acrescentando que teria sido assessorada por advogados nesse sentido.
Para a juíza, no entanto, “a ausência de prestação de contas fere o princípio da publicidade que deve nortear a atividade dos gestores públicos, inviabilizando o controle dos gastos do administrador público, revelando imperiosa sua condenação
Jpequeno

SÃO DOMINGOS: Depois de manifestação e denúncia do blog, Cemar liga fornecimento trifásico para o Centro de Ensino Horácio Alves de Andrade


Na pressão a Companhia Energética do Maranhão (Cemar), por fim, ligou o fornecimento trifásico de energia no Centro de Ensino Horácio Alves de Andrade, na cidade de São Domingos do Maranhão. O Centro havia instalado um sistema completo de climatização por ar condicionado há mais de um ano, ficando na dependência da Companhia somente de alterar o 'modelo' de fornecimento monofásico para o trifásico, fato que não ocorria por simples falta de compromisso com aquela unidade consumidora.

O descompromisso ou a visível falta de responsabilidade da Cemar já vinha causando sérios problemas de saúde aos estudantes, que em face da adequação de toda estrutura física da escola para implantar o sistema de climatização, retirando todas as entradas de ventilação, a temperatura das salas de aulas se elevaram chegando diariamente no período da tarde a casa dos 40 graus, provocando mal-estar e rotineiros desmaios nos estudantes mais sensíveis ao excessivo calor.

Os insistentes apelos a Companhia por meios de comunicação via ofício não resolveram o problema. A direção do Centro de Ensino ainda chegou até a apelar para a representação do Ministério Público local, a promotoria de justiça, mas segundo a direção da escola, o promotor titular nunca se quer respondeu a comunicação com o pedido de providências.
O caminho mais curto foi os estudantes saírem às ruas numa manifestação pacífica de protesto contra o vergonhoso e humilhante descaso da companhia. Na frente dos protestos também esteve o blog do Lobão que já havia feito uma matéria denunciando a falta de atitude dos responsáveis. Após a primeira publicação, o blog recebeu uma nota de esclarecimento da direção da Companhia afirmando que o problema logo seria solucionado, fato que não veio acontecer, se confirmando o que todos já imaginavam, a Cemar é descompromissada e não tem uma logística eficiente de atendimento aos seus usuários.

Já está mais do que provado que a pressão é o modelo de reivindicação mais eficiente contra as grandes empresas que abusam de forma desproporcional de seus clientes. Não é atoa que a Cemar vive atolada em causas processuais na justiça por conta da sua ineficácia. Parabéns a direção da escola e aos estudantes que não cruzaram os braços e insistentemente continuaram a reivindicar o cumprimento sagrado de seus direitos constitucionais. Nota 10 para o Centro de Ensino. Nota zero para a Cemar por ter causado tanto sofrimento aos estudantes. 
  

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Desconhecido atropela e mata menor em Tuntum

 
Cláudio Henrique

Duas crianças foram atropeladas na tarde de hoje, por volta 17:30h, nas proximidades do cemitério da Aroeira e residencial Desembargador Cleones Cunha. Informações repassadas ao blog por populares, afirmam que os dois menores tinham saído da escola e se dirigiam para casa quando inesperadamente foram colhidos por um veículo modelo kadet (ou golf), cor preta, de condutor e placas não identificados.
Os informantes afirmaram que o carro vinha em alta velocidade e que após a colisão o desconhecido fugiu imediatamente sem prestar socorro as vítimas. O menor Cláudio Henrique, estudante da escola Gilsa Léda, de 10 a 12 anos de idade, ainda chegou a ser socorrido pelo samu, mas não resistiu a gravidade dos traumas que sofreu com o impacto do choque. Ainda segundo as informações, Cláudio Henrique é filho único do casal conhecido por Cláudio e Nalva. O outro menor, que até agora não teve o seu nome revelado foi transferido para o Socorrão com suspeitas de fraturas nas duas pernas.
A polícia esteve no local fazendo levantamentos na tentativa identificar o condutor do veículo, mas até agora não há nenhuma informação concreta que possa levar ao autor do acidente.  

Governo investe R$ 14 milhões para despoluir praias e Lagoa da Jansen



O governador Flávio Dino durante passeio de bicicleta que celebrou assinatura de mais uma etapa para o saneamento de São Luís
O governador Flávio Dino durante passeio de bicicleta que celebrou assinatura de mais uma etapa para o saneamento de São Luís
Estas obras nos dão alegria. Prosseguimos trabalhando pela recuperação dos espaços públicos da cidade e com a demanda permanente pela limpeza das praias, tarefa que foi negligenciada por muitos anos”, afirmou o governador Flávio Dino, neste domingo (23), durante o lançamento de nova etapa do ‘Mais Saneamento’.  O programa do Governo do Estado vai eliminar 12 dos 27 pontos de esgotos existentes na Lagoa da Jansen nos próximos 60 dias; e todos os 27 até 2016. O ‘Mais Saneamento’ inicia também a despoluição dos rios Pimenta e Claro, o que vai garantir a balneabilidade das praias de São Luís. A conclusão desta obra está prevista para 12 meses.
Serão investidos mais de R$ 14 milhões nas obras de saneamento nesta etapa do ‘Mais Saneamento’. Ao priorizar a meta de elevar o nível de tratamento de esgoto de São Luís, de 4% para 70% até o final de 2018, o Governo do Estado garante qualidade de vida, proteção ao meio ambiente e incentivo ao turismo no Maranhão.
O lançamento desta etapa do Mais Saneamento foi marcado por apresentações culturais, passeio ciclístico, feira de artesanato e programações musicais marcaram a manhã de domingo na Lagoa da Jansen e Litorânea. O governador Flávio Dino participou do passeio ciclístico e teve recepção calorosa entre skatistas na Lagoa da Jansen. Os atletas campeões dos Jogos Escolares Maranhenses na modalidade handebol, alunos do Barbosa de Godois, também participaram do evento, ao lado de vereadores, secretários estaduais e municipais.
Plano de saneamento
A construção de mais de 40 elevatórios, de duas grandes estações de tratamento de esgoto, a ampliação das estações já existentes e perfuração de vias públicas para implantar redes coletoras, são algumas das ações viabilizadas pelo Governo do Estado para os próximos anos no Maranhão. “Cuidar do saneamento é garantir que as pessoas tenham melhor qualidade de vida e a certeza de que o Meio Ambiente estará protegido. Isso tudo atrai turistas e são obras que geram emprego e renda”, disse o diretor da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), Davi Telles.
Somente o projeto de despoluição dos rios Pimenta e Claro prevê a instalação de um novo sistema de tubulação com 4.135 metros de extensão nas margens, além da construção de uma estação elevatória e redes coletoras de mais de 30 mil metros na região.
Estão em andamento obras no valor de R$ 306 milhões destinadas a quatro grandes sistemas de esgoto na cidade. A previsão é de que até o final de 2016 sejam eliminados todos os 27 pontos de esgotos existentes na extensão da Lagoa da Jansen e recuperados todos os índices de balneabilidade das praias de São Luís.
Rgarrone

Depois de deixar herança maldita no Maranhão, família Sarney abre artilharia midiática contra Flávio Dino

A unidade escolar Centro do Milton, em Brejo de Areia, Maranhão; a família Sarney deixou mil escolas assim no estado
Por Luiz Carlos Azenha
O bombardeio é diário, sem trégua. Com “denúncias” como esta:
Captura de Tela 2015-08-23 às 23.17.17
Isso mesmo. O governador Flávio Dino é “acusado” de sentar-se ao lado do motorista pelo jornal O Estado do Maranhão, que integra o império midiático da família Sarney.
Nem a Veja faria melhor. Ou faria?
As críticas, especialmente na coluna Estado Maior, por onde fala o dono, são absolutamente gratuitas.
Por exemplo, na edição de 19.05.2015: “Flávio Dino não tem conseguido reagir às numerosas crises que se instalaram no Governo do Estado”.
Na mesma coluna: “Gozações — Os escândalos e constrangimentos em todas as áreas do governo Flávio Dino (PCdoB) têm feito a alegria de piadistas e gaiatos da internet. Todo dia surgem memes e banners fazendo troça do governo, que mete os pés pelas mãos quase diariamente. O que ajuda os provocadores é a postura do próprio governo de não reconhecer os erros e querer impor seu ponto de vista“.
Na mesma página, ao acusar Dino de desperdiçar dinheiro com o aluguel de um prédio, o jornal promove os dois herdeiros políticos da família: os deputados Adriano Sarney (PV) e Andrea Murad (PMDB). Eles são chamados a opinar sempre que há “denúncias” contra Dino. Propaganda política disfarçada de jornalismo.
A ênfase da cobertura é na violência, que realmente é grave em São Luís. Segundo Dino, a taxa de homicídios caiu, mas o colunismo sarneyzista cria um clima de pânico a ponto de invocar o holocausto — como se o problema não fosse parte integral da herança maldita deixada pelos Sarney. De Pergentino Holanda, colunista:
Captura de Tela 2015-08-23 às 23.16.49
Como a família Sarney controla a TV Mirante, afiliada da Globo no Estado, acaba definindo a agenda do que aparece sobre o Maranhão nos jornais em rede nacional da emissora. “Toda semana tem pelo menos uma reportagem negativa”, diz um assessor de Dino.
O curioso é que os ataques partem da família que controlou o estado politicamente por mais de meio século.
Que, mais recentemente, “privatizou” a segurança do complexo penitenciário de Pedrinhas, o que ajudou a provocar um escândalo de dimensões nacionais com a matança entre facções.
De um grupo político que, segundo Dino, chegou a pagar R$ 11,00 por um copo de leite servido numa refeição hospitalar.
Isso sem falar nas mil escolas como a da foto que encabeça este texto.
Viomundo: Governador, quem olha para essa foto é difícil acreditar…
Flávio Dino: Nós encontramos mil escolas dessas, na qual existem professores de enorme capacidade de se dedicar a uma causa, que eu respeito muito, mas na qual obviamente os alunos pouco conseguem apreender. Por isso nós estamos com um programa voltado para superar isso. Realmente é inacreditável que em um país como o nosso, sexta ou sétima maior economia do planeta, essa condição social seja tão difícil. O Estado que tem o décimo sexto PIB do Brasil, que tem um porto promissor e importante, tem a base de Alcântara… agora nós precisamos fazer com que essas ilhas de modernização, de século 21, consigam chegar ao Maranhão profundo, que ainda vive em muitos casos no século 19.
Viomundo: Qual a importância do porto de Itaqui, considerando que 10% da soja exportada pelo Brasil saem de Matopiba, a região fronteiriça entre Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia? 
Flávio Dino: Para quem chega, é o porto melhor situado do Arco Norte, do ponto-de-vista do mercado brasileiro, porque ele se situa exatamente na zona de transição entre a Amazônia e o Nordeste, com amplo acesso ao Centro-Oeste do país. E ao mesmo tempo no sentido de saída. Uma empresa que vai exportar soja para a costa Leste dos Estados Unidos vai economizar três ou quatro dias de frete usando Itaqui em relação a Paranaguá (Paraná).
Viomundo: O senhor diz que pretende casar esta vantagem logística com energia para desenvolver um parque industrial e processar os produtos agrícolas do Maranhão no entorno de Itaqui. Qual energia?
Flávio Dino: Na verdade, nós já temos uma grande produção de gás, de cerca de 5 milhões de metros cúbicos. Já foi feita a prospecção e foi formalmente declarado pela Agência Nacional de Petróleo que esses campos estão aptos a serem comercialmente explorados. Na décima terceira rodada do leilão da ANP teremos mais 22 blocos na chamada bacia do Parnaíba, que fica quase toda no Maranhão, de modo que nós esperamos que no futuro essa abundância de fonte de energia de nosso Estado se consolide. Nós temos uma economia baseada na agricultura, na pecuária, na pesca, no extrativismo, na avicultura, tudo isso é fundamental. Mas ao mesmo tempo é importante industrializar o estado, substituir importações.
Viomundo: O senhor já lidou com a herança maldita do governo de Roseana Sarney?
Flávio Dino: Nós encontramos aqui muitos absurdos, infelizmente. Havia, por exemplo, uma Universidade Virtual do Maranhão. A universidade era virtual mas o roubo era real, porque lá houve desvio de mais de R$ 30 milhões. No que se refere à Saúde encontramos situações absolutamente injustificáveis do ponto-de-vista do custo, como o copo de leite que custava 11 reais.
Viomundo: O senhor disse que conseguiu R$ 100 milhões em função de mudanças administrativas?
Flávio Dino: Essas mudanças em cinco meses geraram 100 milhões, porque nós combatemos problemas que havia no Detran, no sistema penitenciário, no sistema de saúde, na educação. A escola que aparece na foto, para substituir pode custar em média 500 mil reais. Dez milhões dá para fazer 20 escolas. Dá para fazer uma escola técnica estadual, que o Maranhão não tem nenhuma. Com a Universidade Virtual do Maranhão dá para dizer que essas pessoas desviaram 70 escolas.
Viomundo: Por que os ataques diários na mídia?
Flávio Dino: Na verdade, uma fração da elite brasileira, acostumada a um modelo coronelista e oligárquico, tem o hábito de gerar acúmulo de fortunas pessoais a partir do desvio daquilo que pertence a todos. É o velho patrimonialismo, que aqui no Maranhão está em cada esquina. Nós estamos desmontando isso e desmontando em um processo conflituoso. Todas as vezes que a gente tira um privilégio pendurado na árvore do patrimonialismo maranhense, o dono do privilégio reclama, reclama e luta. Luta, entra na Justiça, coloca seu sistema de mídia contra, porque ele quer manter o privilégio. Passou anos indo lá colher essa fruta madura e alimentando os seus às custas de milhares de maranhenses.
Viomundo: O que é o programa emergencial do IDH, o Índice de Desenvolvimento Humano?
Flávio Dino: É uma política focalizada nos 30 municípios de pior IDH do Maranhão, que estão entre os 100 piores do Brasil. Ação de substituição de escolas, restaurantes populares, força estadual de saúde, construir casas, apoio à agricultura familiar, fornecer documento, um enxoval de direitos. Eu, quando estudei, quando dava aula de Direito, falavamos em direitos de primeira, segunda e terceira gerações. Século 18, direitos civis. Século 19, direitos políticos. Século 20, direitos sociais. Nós temos de fazer três séculos em quatro anos. Pretendemos mostrar que apesar das dificuldades nacionais é possível mobilizar investimentos públicos e privados capazes de elevar a qualidade de vida de populações antes submetidas a patamares de negação de direitos realmente inacreditáveis.
Viomundo: Mostrar que governo faz diferença?
Flávio Dino: Que é imprescindível para superar os problemas da população mais pobre. Durante décadas no Brasil se estabeleceu uma espécie de dualidade: o Brasil moderno era privado, o Brasil arcaico público. Isso na verdade é uma falácia ideológica. Todos nós sabemos que sem serviços públicos é impossível nós termos um Brasil verdadeiramente moderno.


Dr. Tema inaugura a pavimentação do povoado Arroz e assina projeto de criação de concurso público.



O prefeito de Tuntum, Dr.Tema cumpriu mais uma de suas promessas, a de pavimentar o povoado Arroz, comunidade rural distante da sede 6 km. De todos os benefícios que uma comunidade do interior esperava ter, o povoado ganhou e somou essa a outras obras de grande valia, como, água potável, energia e escola, todas construídas por Dr.Tema em anos anteriores. "Tudo que temos aqui foi ele que trouxe, energia, água, escola e agora esse calçamento", falou demonstrando contentamento Sebastião Miguel, de 74 anos.

Com um sorriso e uma olhar vibrante, ao lado da esposa e da filha, o prefeito de quatro mandatos descerrou a fita de mais uma inauguração prometendo que não irá parar por aqui e muitas outras obras virão para o povoado e para o resto do município. Em pronunciamento recordou suas primeiras obras, mas disse que essa última foi para tirar os moradores da lama e da poeira. "Fiz todas as obras do povoado, mas essa última fiz para tirar o povo da lama e da poeira", disse.

Os quase mil metros de comprimento de serviço de bloquete, por 7 metros de largura, atravessa quase toda extensão da rua principal, o que representa cerca de 90% de todo o povoado, tornando-o parecido com uma pequena cidade. Na solenidade deu pra perceber a alegria com que os moradores recebiam o benefício pela satisfação que demonstravam ao lado do prefeito.

A inauguração deu espaço também para o prefeito anunciar e oficializar a realização do tão esperado concurso público. Antes de assinar o Projeto de Lei que será encaminhado a Câmara na próxima terça-feira para ser apreciado e debatido, Dr. Tema anunciou que serão trezentas vagas distribuídas entres todas as áreas da administração, uma surpresa, já que inicialmente se pensava que seriam somente 200. 

Mas segundo ele, a maioria das vagas estarão destinadas a zona rural. Quem pretende participar do certame já pode estudar com certeza, pois o concurso já é uma realidade...


domingo, 23 de agosto de 2015

Para despoluir Lagoa da Jansen e praias de São Luís, governo assina ordens de serviços



Buscando melhorar a balneabilidade das praias, eliminando os pontos de lançamento de esgoto, o Governo do Estado, por meio da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), assina hoje ordens de serviços para início das obras de eliminação dos pontos de lançamento de esgoto na Lagoa da Jansen e de despoluição completa dos rios Pimenta e Claro, que desembocam na orla.
Para eliminar 12 dos 27 pontos de lançamento de esgoto na Lagoa da Jansen, com obras sendo executadas no prazo de 60 dias, o governo está investindo recursos da ordem de R$ 243 mil. Os outros 15 pontos de lançamento de esgoto na lagoa deverão ser eliminados no decorrer de 2016.
O projeto de despoluição dos rios Pimenta e Claro prevê a instalação de um novo sistema de tubulação com mais de quatro mil metros de extensão nas margens, além da construção de uma estação elevatória e redes coletoras de 30.347 metros na região. O prazo de execução é de 12 meses, com investimento superior a R$ 14 milhões. As ordens de serviços para início das obras serão assinadas pelo governador Flávio Dino e pelo diretor-presidente da Caema, Davi Telles.
As obras fazem parte do programa “Mais Saneamento”, que tem por objetivo melhorar a coleta e tratamento de esgoto no Estado. Na Capital, quando todos os novos sistemas de esgotamento sanitário estiverem em operação, o tratamento de efluentes sairá dos atuais 4% para 70%.
Logo após o lançamento das obras de eliminação de pontos de lançamento de esgoto na Lagoa da Jansen, será realizado um passeio ciclístico até o prolongamento da Avenida Litorânea, na foz do Rio Pimenta, com percurso de aproximadamente 10Km.

sábado, 22 de agosto de 2015

Sampaio no G4

Sampaio
O Sampaio mais uma vez fez o dever de casa e venceu a oitava partida no Estádio Castelão pelo Campeonato Brasileiro. Mas essa não foi uma vitória qualquer, foi uma vitória contra o líder da competição por 1 a 0,
Como aconteceu na rodada de abertura da competição, quando venceu o Vitória por 2 a 0, o Sampaio mais uma vez levou a melhor diante dos baianos.
O Sampaio foi um time forte na marcação e que brigou muito e foi sempre perigoso no ataque. Fez uma de suas melhores partidas na Série B e mostrou que tem tudo para brigar pelo acesso.
O gol do Sampaio foi marcado aos 22 minutos do primeiro tempo. Pimentinha aproveita o vacilo da defesa do Vitória e cruza na cabeça de Diones para delírio da torcida Tricolor.
Com o resultado, o Sampaio chegou a 34 pontos e beneficiado pelo empate entre Bahia e América-MG assumiu a quarta colocação. O G4 tem o Vitória com 37 pontos, o Botafogo com 36 pontos e o América-MG com 35 pontos.
O Sampaio volta a jogar no próximo sábado, contra o Macaé, às 16h30, mo Moacyrzão, em Macaé.
Zecasoares

Confirmado concurso público do estado com mais de 3 mil vagas


O tão sonhado concurso público para professor da rede estadual de ensino deve sair ainda este ano, mesmo atrasado. Prometido inicialmente para o mês de agosto no inicio do ano pelo governador Flávio Dino (PCdoB), as provas devem ocorrer em novembro deste ano, pelo menos é o que revela a secretária estadual de Educação, Áurea Prazeres (PDT). A contratação da empresa que vai realizar o concurso vai ocorrer em setembro. No total 3001 vagas vão ser oferecidas para docentes em diversas áreas, todas as informações foram repassadas pela gestora da Educação.
Para chegar ao quantitativo de 3.000 postos, a Secretaria de Educação (Seduc) teve que fazer um levantamento de demanda e viabilidade orçamentária. Os motivos para a realização desse estudo foram as vacâncias em decorrência de aposentadorias e o cumprimento do novo estatuto do educador – que reduziu a carga horária dos professores em sala de aula.
No dia 25 de maio, os deputados estaduais do Maranhão aprovaram o projeto de Lei 217/2014, de autoria do Poder Executivo, que cria 3.001 vagas para professor de educação básica.
As vagas do concurso da educação serão estritamente para professor III, que exercem a profissão nas disciplinas presentes na grade do ensino médio. Ao todo, 518 ofertas serão para a área de língua portuguesa, 257 para língua estrangeira (inglês), 133 para língua estrangeira (espanhol), 341 para matemática, 286 para física, 302 para química, 291 para biologia, 131 para história, 236 para geografia, 111 para sociologia, 126 para filosofia, 148 para educação física e 121 para arte.
Blogdogarreto

Prefeito vistoria perfuração de poço artesiano do povoado Capim


Acompanhado dos secretários  Maurício Seabra e Júnior do Carlito, o prefeito Dr. Tema visitou ontem (21) o povoado Capim para vê de perto o andamento dos trabalhos de perfuração do poço artesiano na localidade. O prefeito se mostrou satisfeito ao constatar que os serviços estão bem adiantados e que já no próximo mês poderá ser entregue a comunidade. Ele disse que a gestão tem pressa pela conclusão por causa da necessidade dos moradores, além de outros poços que terão que ser perfurados.

- Temos pressa em entregar logo esse poço ao povo do Capim, logo porque os moradores estão necessitando com urgência, e também porque temos mais três poços para serem perfurados, um no assentamento Padre Cícero, São Miguel e Pendanga, destacou o prefeito. Também estiveram presentes os ex-vereador Raimundo Nonato Teixeira, o Nonatinho, e o vereador Joaceles, o Jota.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Realizada a VI Conferência de Assistência Social em Tuntum



Como determina as prerrogativas da lei que delibera sobre as conferências, a Secretária Municipal de Assistência Social realizou a sua solenidade tendo como ponto alto a maciça participação popular, que também foi atuante nos debates e proposições colocadas sob avaliação, na perspectiva da formação coletiva de uma nova política social que viesse a suprir os anseios de âmbito municipal.

Dentre as novas diretrizes propostas está a continuidade de parte das ações que estão sendo desenvolvidas de forma ordenada com crescente aceitação popular. A secretária de Assistência Social, Neide Batista da Cunha considerou a conferência como mais um momento de importantes debates que só tem a acrescentar na política social da pasta. Além do público presente, se fizeram também presentes na VI Conferência parte dos secretários e assessores do Governo Municipal, entre eles o Secretário de Finanças, Maurício Seabra, o secretario de Saúde, Rawlley Tavares, o secretario de Educação dos Reis Teixeira, o secretario adjunto de Agricultura, Paulo Duarte, a primeira dama Daniella Cunha, a assistente social Marinete Freitas e diretora do Colégio José Teixeira, Susana Alves e Silva.  

Secretaria de Agricultura de Tuntum inicia trabalho de regularização fundiária

Reunião no povoado São Miguel
A extensão territorial do município de Tuntum é superior a 3 mil quilômetros quadros de terras férteis e produtivas, divididas entre pequenos, médios e grandes produtores rurais. Devido dados fornecidos recentemente pelo Instituto de Terras do Maranhão (Iterma), órgão ligado ao Governo do Estado, descobriu-se que a maioria da área "pertencente" aos pequenos produtores rurais, principalmente aquelas que fazem parte de associações, não estão regularizadas, ou seja, são somente áreas de posse.

Para buscar uma solução para o problema que vem trazendo inúmeras preocupações aos seus "proprietários", hoje legitimamente posseiros, a Secretaria de Agricultura por determinação do prefeito Dr. Tema está cadastrando os pequenos produtores que se encontram nessa situação. O primeiro encontro entre posseiros de áreas rurais aconteceu essa semana no povoado São Miguel com funcionários da Secretaria de Agricultura. Segundo o assessor especial da Secretaria, Paulo Duarte, o Paulão, que é responsável direto pelo cadastramento, a reunião no povoado foi muito produtiva e os trabalhadores e trabalhadoras ficaram muito satisfeitos com a boa notícia de adquirirem em definitivo o título de suas terras. Conforme informações do assessor, o Interma já cadastrou 80 famílias. Para a obtenção de informações mais detalhadas, o interessado poderá procurar a Secretaria de Agricultura.

POLÍTICA: Começou o troca-troca de partido em Presidente Dutra e região


Daqui pra frente os habituais elogios e declarações de amor pelo partido que o político está filiado poderão está suspensos e perderem a validade, o que pode interessar daqui em diante é uma boa acomodação, e se possível, as vantagens oferecidas para ajudar a vencer o próximo embate eleitoral de 2016.
Vereador Itamar Lucena
Nos bastidores da política já são aventadas várias mudanças no cenário do troca-troca partidário, a maioria buscando uma aproximação com as legendas ligadas a base de apoio ao governo Flávio Dino. Um exemplo de uma aproximação maior com o governo será o exclusivo ato de filiação que fará o PSDB, partido do vice-governador Carlos Brandão, domingo próximo em Presidente Dutra. Estarão desembarcando na sigla o desgastado prefeito de São José dos Basílios, Francisco Walter Ferreira Sousa, o Walter Rio Grandense, o prefeito de Capinzal do Norte, Roberval Campelo, o prefeito de Senador Alexandre Costa, José Carneiro Filho, o Carneirinho, e o de Esperantinópolis, Raimundo Jovita de Arruda Bonfim, o Dr. Raimundinho.
Vereador Zezão
Internamente em Presidente Dutra estão fazendo parte do jogo, o vereador José Nunes Martins, o Zezão,  e seu filho Aristeu Nunes, eles estão de retirada do PDT e aterrissando no PSDB. Vendo o espaço desocupado, o prefeito Juran Carvalho abandona a barca furada do PV, partido do deputado Sarney Filho, e pousa livremente no PDT, uma jogada de mestre para quem tenta se aproximar do governo em um momento conturbado. 
Enfileirando o caminho da mudança partidária está também o vereador Itamar Lucena e seu pai Lindomar Lucena, ambos deixarão o ninho tucano para se acomodarem no PC do B, partido do governador Flávio Dino, uma boa cartada.
Dr. Orlando

O vice-prefeito Orlando Pinto, o Dr. Orlando, cansou do PT, hoje em declínio em razão do mar de corrupção em que está mergulhado, e ingressará na tranquilidade do PP. Assistindo o pula pula, a ex-prefeita Irene Soares deixa o quase insignificante PRB e cai no colo do PSL, ou seja, trocou um nanico por outro, mas estratégia é estratégia.
A expectativa é que novas mudanças poderão ocorrer até o fim do prazo das filiações...