quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Povoado Creoli do Bina perde Badié, um dos seus primeiros moradores

 

Manoel Cecílio de Araujo, conhecido por Badié, que residia no povoado Creoli do Bina, falecido nessa última terça-feira (29) por complicações cardíacas, no hospital Carlos Macieira, em São Luís, alcançou a plenitude  Divina aos 88 anos vivendo uma vida de provação e dedicação.  Aos 11 anos veio do Rio Grande do Norte  a pé para o Maranhão. Casou-se, teve 10 filhos e cumpriu sua missão de  pai, criando todos os filhos e construindo um legado de valores que jamais serão esquecidos: integridade, respeito, honestidade e trabalho.

O grande homem (Badié) se vai, mas sua história fica como exemplo para outras gerações. Ele será sempre lembrado com alegria e gratidão, permanecendo suas lembranças que será expressada no amor de cada um de seus familiares, especialmente na esposa, filhos, netos e amigos.

Todos sempre o respeitaram, amaram e deram o seu melhor em querer ajudá-lo, mas o querer humano nem sempre é o de Deus, pois o querer de Deus, espiritualmente falando, é e sempre será o melhor. A família agradece, imensamente, todo apoio recebido...

Nenhum comentário:

Postar um comentário